Congrepics Internacional: O Brasil na vanguarda da integração da PICS no SUS

O Ministério da Saúde promoveu, entre os dias 12 e 15 de março, o I Congresso Internacional de Práticas Integrativas e Complementares e Saúde Pública(INTERCONGREPICS), e o 3º Congresso Internacional de Ayurveda. Os dois eventos foram realizados no Rio de Janeiro, no Centro de Convenções Riocentro, com programação integrada. O encontro congregou representantes de 27 países, representantes da Organização Mundial de Saúde, da Organização Pan Americana de Saúde, aproximadamente 70 palestrantes internacionais e 200 nacionais.

Durante quatro dias aconteceram importantes lançamentos, debates e troca de experiências entre os profissionais, gestores e pesquisadores das diversas práticas integrativas. Foram apresentados mais de 900 trabalhos científicos e relatos de experiências no SUS, de todas as regiões do Brasil e de outros países também. Estiveram presentes cerca de quatro mil participantes, entre gestores, profissionais de saúde e pesquisadores do assunto. A ABMA esteve presente através de seus associados, convidados e também de um stand que recebeu muitas visitas.

Destaques Congrepics Internacional

Médicos antroposóficos na programação do Congrepics Internacional

Ana Emília de Oliveira Andrade (UFBA. Salvador, BA. Brasil)  integrou a Coordenação da Comissão Científica do evento, atuando em diversas etapas anteriores à sua realização. Durante o evento moderou diversas mesas e painéis, avaliou pôsters e contribuiu para o aprofundamento de vários debates envolvendo a medicina antroposófica e as PICS em geral.

Ana Maria Araújo Rodrigues (ABMA. Belo Horizonte, MG. Brasil) como membro do Conselho Consultivo do Congrepics atuou pela integração da Ayurveda no programa científico comum. No Painel Global Pics no curso da vida, apresentou os princípios e benefícios da Ayurveda na Saúde da Mulher, além de outras relevantes contribuições.

Esquerda para Direita: Ricardo Ghelman, Georg Seifert, Ana Maria Araújo, Luiz Guilherme Correa Neto, Daniel Becker, Adalberto Barreto e Iracema Benevides – palestrantes do painel Pics no curso da vida, Congrepics. Fonte: arquivos ABMA

Andrea Augusta Castro (ABMA. Rio de Janeiro, RJ. Brasil) apresentou a perspectiva da medicina antroposófica na mesa redonda sobre PICS no envelhecimento e também coordenou o oferecimento de diversas terapias antroposóficas no Espaço de Cuidados que aconteceu durante o evento.

Angelmar Roman (ABMA. Curitiba, PR. Brasil) integrou a Comissão Científica do Congrepics analisando diversos trabalhos científicos e moderou a mesa redonda sobre PICS e prevenção quaternária. Fomentou o debate sobre a relação da MA nesse âmbito.

Angelmar Constantino Roman. Fonte: Arquivos ABMA

Ariane Gianfelice de Castro (ABMA. São Paulo, SP. Brasil) participou como moderadora de mesa redonda que debateu a contribuição das PICS na Atenção Primária em Saúde e contribuiu para muitos debates relacionados à medicina antroposófica nesse âmbito.

Cinzia Diniz Antonini (ABMA. Belo Horizonte, MG. Brasil) debateu possibilidades de viabilização de medicamentos antroposóficos no SUS em mesa redonda sobre Assistência Farmacêutica e participou de reuniões e debates relativos à inserção da MA no SUS.

Erik Baars (Universidade de Leiden, Holanda) integrou o Conselho Consultivo da Comissão Científica. No Painel Global Experiências no cuidado com as doenças infecciosas agudas e crônicas, apresentou conteúdos inéditos sobre os avanços nas pesquisas de Medicinas Complementares e Integrativas na panorama da Resistência Antimicrobiana. Apresentou ainda a relevância dos Case Reports (Estudos de Caso) para a área das PICS no Painel Global Pesquisa científica em PICS – suporte à prática clínica, educação em saúde, políticas e gerenciamento de saúde.

Erik Baars. Fonte: arquivos ABMA

 

Arquivo ABMA

Gunver Kienle (IFAEEM, Alemanha) relevante participação via Skype na Mesa paralela Tópicos especiais de evidências em PICS quando apresentou um panorama detalhado dos estudos com viscum album.

Georg Seifert (Hospital Charité de Berlin) integrou o Conselho Consultivo da Comissão Científica do Congrepics. Destacada participação na Mesa Redonda Saúde infantil e pediatria integrativa: foco em oncologia pediátrica e também no Painel Global PICS no curso da Vida, apresentando os avanços e resultados dos estudos e pesquisas no campo da Oncologia Pediátrica Integrativa.

Iracema Benevides (ABMA. Belo Horizonte, MG. Brasil) integrou a Coordenação da Comissão Científica do evento, atuando em diversas etapas anteriores à sua realização. Durante o evento moderou mesas e painéis, apresentando também a perspectiva da medicina antroposófica na mesa redonda sobre Prevenção Quaternária.

Jaqueline A. Volkmann (ABMA. Porto Alegre, RS. Brasil) trouxe sua contribuição para a mesa redonda sobre aleitamento materno, aprofundando a visão da pediatria orientada pela medicina antroposófica no cuidado com o bebê, a mãe e toda a família nos primeiros meses de vida. Apresentou pôster sobre a experiência de Medicina Escolar.

Jan Vagedes (ARCIM, Alemanha) no Painel Global sobre Experiências no cuidado com as doenças infecciosas agudas e crônicas apresentou experiência de tratamento de pneumonia com medicamentos e terapias antroposóficos. Participou também de Mesa redonda sobre pesquisa na qual trouxe atualizações sobre metodologias adequadas para pesquisa de PICS.

Juarez Araújo (ABMA e UFJF. Juiz de Fora, MG. Brasil) integrou a Comissão Científica do evento atuando na avaliação de pôsters. Apresentou as possibilidades de atuação da medicina antroposófica no SUS na mesa paralela As medicinas tradicionais e os cuidados primários em saúde.

 

Maurício Baldissin (ABMA e FMJ. Jundiaí, SP. Brasil) apresentou relevantes contribuições de pesquisas e atividades acadêmicas envolvendo a MA no âmbito da neurociência e neurocirurgia na mesa paralela Tópicos especiais de evidências em PICS. Como membro da Diretoria da ABMA contribuiu e apoio a participação da Associação no evento.

 

Maurício Baldissin. Fonte: Arquivos ABMA

 

Nilo Gardin (ABMA. São Paulo, SP. Brasil) apresentou relevante experiência clínica com uso de viscum album em tratamentos oncológicos na Mesa redonda Oncologia Integrativa: prática clínica e experiências. Como Editor chefe da Revista Arte Médica Ampliada coordenou a realização de um número especial da revista para o evento, com tiragem de 3.000 exemplares.

 

Nise Hitomi Yamaguchi (IAM/ABMA. São Paulo, SP. Brasil) apresentou amplo panorama  de possibilidades e perspectivas na Oncologia Integrativa na Mesa paralela Oncologia Integrativa: prática clínica e experiências, contribuiu para construir pontes com as demais experiências da sessão.

Esquerda para Direita: Nise Yamaguchi e Maurício Baldissin. Arquivos ABMA

 

 

Thomas Breitkreuz (Fielderklinik, Alemanha)  integrou o Conselho Consultivo da Comissão Científica e promoveu a participação de outros importantes conferencistas. Apresentou a perspectiva da medicina antroposófica no Painel Global sobre Oncologia Integrativa e Cuidados Paliativos. Em duas diferentes sessões sobre Hospitais Integrativos, apresentou detalhes dos fluxos de diagnóstico e tratamentos clínicos integrados nos Hospitais Antroposóficos da Alemanha. Concluiu apontando as possibilidades de colaboração com outros hospitais integrativos no seu país. Como presidente da IVAA participou de relevantes encontros com vistas ao desenvolvimento da medicina antroposófica na região.

 

 

Tido von Schoen-Angerer (IVAA, Suiça) integrou o Conselho Consultivo da Comissão Científica do Congrepics e apresentou um panorama detalhado da pediatria à luz da medicina antroposófica, com ênfase nos recentes resultados de estudos publicados na Europa, destacando o aspecto da humanização e da contribuição para o tema da resistência antimicrobiana, na mesa paralela Saúde infantil e pediatria integrativa. Participou ainda de reuniões estratégicas relacionadas ao apoio da Organização Mundial de Saúde à medicina antroposófica.

Ricardo Ghelman (USP/ABMA. São Paulo, SP. Brasil) integrou a Coordenação da Comissão Científica do evento, atuando em diversas etapas anteriores à sua realização. Coordenou as atividades de Pediatria Integrativa e Hospitais Integrativos na programação. No Painel Global Pesquisa científica em PICS – suporte à prática clínica, educação em saúde, políticas e gerenciamento de saúde apresentou o Consórcio Acadêmico Brasileiro para Saúde Integrativa. Durante o evento, como presidente dessa iniciativa, atuou promovendo a divulgação da mesma entre os participantes e sua  integração com o Consórcio Americano para Medicina e Saúde Integrativa (Academic Consortium for Medicine and Integrative Health).

Ricardo Ghelman. Fonte: Arquivos ABMA

 

Sheila Grande (ABMA. Rio de Janeiro, RJ. Brasil) apresentou sua experiência no tratamento de doenças virais transmitidas por mosquito como a Dengue e Chicungunya com medicamentos antroposóficos em mesa redonda sobre a contribuição das PICS nas epidemias, além de apoiar outros debates e atividades da medicina antroposófica no evento

 

Destacamos ainda as participações:

Adriana Massieri ( Cl. Phoenix, Chile). apresentou o trabalho reconhecido internacionalmente Abordagem terapeutica  antroposofica do trauma, estresse pós-traumatico e patologias associadas na mesa paralela Abordagens inovadoras das PICS em saúde mental: redução do estresse, síndromes pós-traumáticas e qualidade de vida.

Charlize Kessin (ABMA. São Paulo, SP. Brasil) apresentou pôster com experiência inovadora de uso de Quirofonética e música em pediatria integrativa.

Angela Maria C A Santana (ABMA. Recife, PE. Brasil) participou de diversas atividades no Congrepics e apoiou atividades da ABMA no evento.

Fabrício Batista Dias (ABMA. Belo Horizonte, MG. Brasil) apoiou debates sobre a MA no âmbito das PICS e apresentou sua experiência como médico de família e comunidade atuando com MA em Betim-MG na forma de pôster.

Heloísa Oliveira (ABMA. Rio de Janeiro, RJ. Brasil) participou de diversas atividades no Congrepics e apoiou atividades da ABMA no evento, em especial, a organização e manutenção do estande da ABMA.

Iramaia Chaguri (ABMA. São Paulo, SP. Brasil) participou de diversas atividades no Congrepics e apoiou atividades da ABMA no evento.

Leila Gonçalves (ABMA. Salvador, BA. Brasil) participou de diversas atividades no Congrepics e apoiou atividades da ABMA no evento.

Márcia Lucena (Eleb-sp. São Paulo, SP. Brasil) apresentou o conteúdo e as possibilidades de atuação terapêutica do Aconselhamento Biográfico na mesa paralela sobre PICS e prevenção quaternária.

Miguel Angel Urristy (AMA Argentina) participou de atividades diversas no Congrepics, aprofundando laços de cooperação.

Socorro Cordeiro (AMA Chile) contribuiu com a apresentação das possibilidades de atuação com MA e Psicologia Antroposófica na Mesa paralela Abordagens inovadoras das PICS em saúde mental: redução do estresse, síndromes pós-traumáticas e qualidade de vida, participou de atividades institucionais e de debates relevantes para o desenvolvimento da MA na América Latina, em especial no Chile.

Vera Orgolini (Aurora. São Paulo, SP. Brasil) apresentou as possibilidades diagnósticas e terapêuticas da Terapia Artística Antroposófica na mesa redonda sobre Pics e envelhecimento.

Terapias Antroposóficas no Espaço de Cuidados

Ana Paula Andrade (AAER. Juiz de Fora, MG. Brasil) atendeu um grande número de participantes com aplicações externas antroposóficas no Espaço de Cuidados.

Emi Morgado (AAER. Juiz de Fora, MG. Brasil)  promoveu vivências de Euritmia entre os participantes e também aplicou alguns movimentos de Euritmia terapêutica no Espaço de Cuidados.

Rosemarie Jungen (Asklépios, Rio de Janeiro, RJ. Brasil)  atendeu um grande número de participantes com aplicações externas antroposóficas no Espaço de Cuidados.

Iracema Benevides, Andrea Augusta Castro, Rosemarie Jungen e Ana Paula Andrade no Espaço de Cuidados durante o Congrepics.

Confira abaixo mais imagens do evento:

abmanacional

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *